WhatsApp Pay será lançado no primeiro semestre intregrado com o Pix

Em entrevista coletiva na quarta-feira (27), Paulo Caffarelli, diretor executivo da Cielo, afirmou que o sistema de pagamentos WhatsApp deve ser divulgado pelo Banco Central (BC) neste semestre. Além disso, além de oferecer opções de pagamento e transferência entre os usuários do app, o serviço também deve ser integrado ao serviço Pix do BC para entrar no mercado.

A Cielo é parceira do WhatsApp/Facebook para processamento de transações do Facebook Pay, e o serviço por trás do novo recurso WhatsApp – a relação entre o aplicativo e a rede social faz parte da parte conturbada das novas regras de integração do aplicativo de mensagens com o matrix.

“Estamos próximos da autorização do [WhatsApp Pay] na Colúmbia Britânica. Não disse que deveria ser no primeiro trimestre, mas deveria ser no primeiro trimestre”, disse Carfarelli.

O sistema de pagamento WhatsApp foi anunciado no Brasil em junho de 2020, mas o período de teste foi interrompido após o banco central ter solicitado esclarecimentos. Desde então, Pix lançou o próprio sistema de transferência digital 24 horas do BC, que o Banco do Brasil usa indiretamente para transferir fundos via WhatsApp.

O executivo também confirmou que o sistema de aplicativos deveria ter sido integrado ao Pix para entrar no mercado, eliminando assim a possível limitação de transferência apenas entre usuários “Zap”. O sistema BC também deve ser fornecido na máquina da Cielo para substituir o pagamento via cartão ou NFC, mas a adoção da função depende do processo de “cultivo” no mercado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Postagens Relacionadas