Esses 7 Erros Você Não Pode Ter na Sua Vida Financeira

Não deixe que hábitos errados prejudiquem seus sonhos e coloquem você em dívida e tenha que aprender cometendo erros!

Quem não tem medo de enfrentar desafios sabe que todo fracasso e obstáculo nos ajudará a melhorar e a descobrir a maneira certa de fazer as coisas. Mas quando se trata de dinheiro, é melhor você não gastar dinheiro para ver, certo? Literalmente! Nesse caso, a melhor forma é determinar onde pode ter ocorrido o erro financeiro. Para não atrapalhar o rosto e evitar perda de dinheiro, por favor, descubra imediatamente 7 hábitos que precisam ser abandonados.

1. Não estudar sobre educação financeira

Não basta apenas anotar suas receitas e despesas em um caderno. A educação financeira envolve mudar comportamentos e nos ajudar a encontrar as melhores opções, não só para pagar as contas, mas também para pagar o dinheiro.

Se você não sabe do que estamos falando, existem muitos blogs (como o nosso), sites e influenciadores digitais que são bons e compartilham dicas importantes. Você aprenderá como lidar melhor com o dinheiro.

2. Não planejar seus gastos

Se você comprar apenas o que precisa e não deixar sua conta vermelha, será um bom começo. Mas isso não significa que seja suficiente. Você precisa saber o preço de cada item para saber quanto de sua receita é usado para essas despesas.

Nossas despesas diárias, por menores que sejam, afetarão diretamente nossa receita total. Portanto, planeje com antecedência, seja um sorvete ou jantar em um restaurante.

Liste os itens que deseja comprar no supermercado e evite deixar itens que sejam o dobro do que você pretende comprar. Não ter um padrão na hora da compra é um dos erros financeiros que nos atrapalham.

3 FORMAS DE RENDA EXTRA ONLINE DE VERDADE – APRENDA!

3. Atrasar o pagamento das contas

Qualquer conta que você atrasar resultará em juros e multas. Não são apenas os cartões de crédito que podem causar problemas. Isso se aplica a contas na Internet, fornecimento de lojas de roupas, contas de eletricidade, etc.

A regra é simples: se você não pode pagar pelo que consome, economize. Passe menos tempo no banho, reduza o seu plano de internet e diminua o limite do cartão. Isso é prudência e planejamento! Se você está se afogando em um mar de dívidas, não tenha vergonha de negociar com alguém que deve.

Se necessário, faça um empréstimo online. A Bom Pra Crédito é parceira dos principais bancos do país. Isso significa que, de acordo com sua situação financeira, você obterá o empréstimo com a melhor taxa de juros e condições de pagamento. Claro, os juros são muito menores do que os de cartões de crédito rotativo e cheques especiais.

4. Sem reservas de emergência

Se algo inesperado acontecer, onde você irá tirar verba? Quer seja para consertar um carro com defeito, é porque o encanamento da casa está quebrado, ou porque foi descoberto no último minuto que é necessária uma cirurgia em vez de esperar por mágica, então o dinheiro precisa ser gasto em situações de emergência.

Claro, ninguém quer que aconteça nada de ruim, mas fatos imprevistos provam que nem tudo vai acontecer de acordo com nossa vontade. Se tudo correr bem e não houver obstáculos, pelo menos você pode economizar dinheiro.

5. Parcelar todo tipo de compra

O problema não é o cartão de crédito, mas a maneira como você o usa. Um dos erros financeiros mais graves é pensar que comprando tudo parcelado você terá uma vantagem. Agora, você pode imaginar a soma de cada período?

Isso pode se transformar em uma bola de neve gigante. Sem falar nas taxas de juros extremamente altas quando você entra em uma conta rotativa ou paga apenas as taxas mais baixas.

As regras são simples: taxas fixas, pagamento à vista, ou seja, sem custos de compra de mercearia, muito menos pagamento por cartão de crédito. A menos que você goste de acumular milhas e depositar dinheiro na fatura. Caso contrário, tome cuidado para não pensar erroneamente que um terreno barato não prejudicará seu orçamento.

Curso Net Milionário Vale a Pena?

6. Compre primeiro, depois pague

A vida financeira indisciplinada é uma vida de curto, médio e longo prazos, sem objetivos objetivos claros. Isso pode fazer você se levantar e pagar um preço alto pela decisão errada. Se você precisar de um celular novo ao invés de ir à loja e parcelar muito no parcelamento, espere um pouco antes de gastar dinheiro para comprar à vista.

Salve outras necessidades diárias até que a meta seja alcançada. A coisa mais simples e barata, mesmo a mais cara. Concentre-se no futuro, mas tenha o comportamento sábio que deve ter agora. Definir metas pode nos ajudar a alcançá-las com mais facilidade.

7. Medo de obter uma renda extra

Você já deve saber que dinheiro não cai do céu, certo? Se você trabalha duro para ganhar um salário, é claro que também pode lucrar para o proprietário da empresa. Por que não considerar estratégias com fins lucrativos?

Use seus talentos (sim, todo mundo tem talentos!) Para ganhar uma renda extra. Sabes tocar um instrumento musical? Divulgue seu trabalho em bares, festas. Você está indo bem? Venda doces ou salgadinhos para vizinhos, colegas, familiares… Você sempre pode ganhar mais dinheiro e aprender como ganhar dinheiro para trabalhar para você.

Portanto, coloque de lado seus medos e comece a pensar no que você pode fazer para ter uma vida financeira mais tranquila. Como esta indo Você cometeu alguns ou todos os erros financeiros?

Não espere o momento ideal para desenvolver bons hábitos. De agora em diante, pelo que você tem. Se você seguir este conselho, coisas boas acontecerão e seus bolsos agradecerão.

• QUER GANHAR DINHEIRO VENDENDO GELADINHOS GOURMET? APRENDA AQUI!

2 thoughts on “Esses 7 Erros Você Não Pode Ter na Sua Vida Financeira

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Postagens Relacionadas