IMPOSTO DE RENDA NOS INVESTIMENTOS – APRENDA DECLARAR EM 2021

A demonstração do investimento no imposto de renda tem a particularidade de não refletir o valor da receita e do ativo.

Quais investimentos devem ser anunciados?

Quem ingressar nas regras de declaração obrigatória, ou seja, se o lucro tributável em 2020 for superior a R$ 28.559,70, ou o lucro tributável for superior a R$ 40.000, ou tiver feito algum investimento na troca, deve declarar todas as empresas da empresa Investimento da empresa detida. Declaração de imposto de renda de pessoa física 2021 (DIRPF 2021).

Embora parte da receita do Brasil seja isenta de imposto de renda, o contribuinte deve inserir todos os seus investimentos em sua carteira em 2020 em sua declaração de imposto de renda de 2021.

Títulos de renda fixa, fundos de investimento, ações, fundos imobiliários, saldos de contas de poupança, ETFs, investimentos no exterior e até mesmo o valor de criptomoedas devem ser discriminados em campos específicos no demonstrativo.

Os investimentos deverão ser reportados na ficha de “Bens e Direitos” da declaração, mas cada código corresponde a um produto de investimento diferente.

QUER APRENDER A DECLARAR SEU IMPOSTO DE RENDA DE 2021 DO JEITO CERTO, SEM INCÔMODO E COM SUPORTE? Conheça o “IMPOSTO DE RENDA NOS INVESTIMENTOS” para saber mais clique no botão abaixo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Postagens Relacionadas