Intelbras coloca suas ações a venda

A empresa estima arrecadar mais de R$ 1 bilhão com as vendas iniciais que devem ficar entre R$ 15 até R$ 20.

A Intelbras, fabricante brasileira de soluções de rede, comunicação e segurança, divulgou o segundo acordo da CVM (Comissão de Valores Mobiliários) no dia 12 de janeiro e lançou uma oferta pública inicial. O preço inicial de cada ação deve estar entre 15,25 reais e 19,25 reais (a “faixa indicativa”), e a expectativa é de que gere 1,242 bilhões de reais.

A empresa tem sede em São Jose (SC), oficializando pela primeira vez a emissão de ações da empresa.

• As melhores Corretoras de Valor para Comprar Ações. Veja as menores taxas.

A empresa informou que utilizará os recursos da oferta principal por meio de diversas ações para acelerar seu crescimento sustentável. A Intelbras fará aquisições para expandir sua capacidade industrial e automatizar os processos de produção.

Além disso, a empresa também planeja expandir as soluções de software como serviço e hardware como serviço. Dessa forma, a empresa pode expandir suas vendas para diferentes verticais internas e canais de varejo. O objetivo final é alcançar um alto crescimento nos negócios em geral.

O Banco BTG Pactual SA, o Citigroup Global Market Brasil, a Corretora de Câmbio, o Titulos e Valores Mobiliários SA, o Banco Itaú BBA SA e o Banco Santander (Brasil) SA estão coordenando as ofertas das ações.

Intelbras ainda diz “De toda forma, no limite do que for permitido pela regulamentação/legislação, a empresa reforça o compromisso com a transparência e se compromete a tornar pública e oficializar novas decisões e detalhes do processo de IPO no momento propício”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Postagens Relacionadas